Duas semanas depois de iniciar a pré-epoca chegou a vez de irmos conversar com o Mister Pedro Carvalho. 2ª época ao serviço do clube, levou a AMSAC na última época às meias-finais do campeonato de honra de Lisboa em juvenis. Fomos obviamente saber mais …

AMSAC: Boa tarde Mister, 2ª época ao serviço da nossa Associação, num escalão e numa divisão que já começa a conhecer na perfeição. Este ano com muitas caras novas, o que esperar dos Juvenis esta época?

Pedro Carvalho: Boa Tarde, é verdade, este ano temos um plantel praticamente todo novo, mas podem esperar o mesmo da época anterior. Trabalho, dedicação, ambição e atitude lutando jogo a jogo por todos os nossos objetivos.

AMSAC: Há três anos Campeões da 1ªdivisão, seguiu-se um 5º lugar na honra e na época passada chegámos às meias-finais. Sendo assim este ano…

Pedro Carvalho: Esse comentário carrega muita pressão (Risos). Este ano veremos, nós temos os nossos objetivos internos que não irei aqui divulgar, mas, equipa técnica, jogadores e direção sabem bem quais são esses mesmos objetivos.

AMSAC: Mas colocar a AMSAC na Taça Nacional, levar a nossa formação finalmente a competir por esse pais fora. Pelo trabalho que o clube tem desenvolvido, não chegou a hora?

Pedro Carvalho: A AMSAC tem vindo a trabalhar muito bem estes últimos anos na formação e os resultados tem estado à vista. Tendo este ano Juvenis e Juniores na divisão de honra acho que mais do que nunca a ambição é maior de colocar um dos escalões no patamar mais alto do nosso Futsal!

AMSAC: Um plantel praticamente novo que tal como na última época teve que ser quase criado de raiz, algo que queremos e muito alterar no futuro. Foi fácil chamar tanta gente nova? Como vê este grupo?

Pedro Carvalho: Este ano foi muito mais fácil formar o nosso plantel. Na última época não tivemos tempo praticamente para nada e dai termos tido um plantel mais curto. Este ano começámos a formar o plantel em Abril, Maio. É o plantel que eu escolhi e todos os jogadores que foram referenciados estão na AMSAC, falhando apenas uma contratação(risos). Estou muito feliz com todo este grupo, num ano em que não houve captações e em Junho tínhamos o plantel já fechado. Assumo claramente que se correr mal só pode haver um culpado ????

AMSAC: Até agora dois jogos de treino e duas vitórias largas e sem sofrer golos. Como tem corrido a pré-época?

Pedro Carvalho: Quem me conhece sabe que não dou muito valor aos resultados nesta fase da época. No entanto a pré-época está a correr muito bem, estamos a trabalhar muito e o grupo mostra qualidade e já se mostra unido.

AMSAC: Olhando agora para o nosso Campeonato, é possível fazer uma previsão?

Pedro Carvalho: A meu ver Oeiras, Lombos e AMSAC podem partir como favoritos. São fortes candidatos pelo que fizeram na última época e pela forma de trabalhar dos próprios clubes e as suas formações, mas, muito sinceramente não estou muito preocupado com quem é ou não é candidato. Apenas estou focado no nosso trabalho e na AMSAC pois nesta altura começamos todos com os mesmos pontos e partimos todos em igualdade. No fim… ai veremos.

AMSAC: Na nossa última entrevista, falando com o Mister Miguel Velez, este queixou-se do formato competitivo da divisão de honra não premiando segundo o nosso Mister, a equipa mais regular. Que comentário faz a este modelo competitivo?

Pedro Carvalho: Não concordo com este modelo, além do que foi referido andamos a jogar a meio da semana (feriados) e com jogos novamente ao fim-de-semana. Este ano vai-se voltar a repetir e acaba por ser bastante desgastante mas… o que podemos fazer em relação a isso? Eu acho que nada(risos).

AMSAC: Relativamente à última época subiram cinco atletas aos juniores enquanto que dos iniciados apenas conseguimos subir um. O que é para si o mais importantes nestas idades para se formar um atleta?

Pedro Carvalho: Vamos por partes. No plantel dos juvenis estava previsto contarmos com cinco ou mesmo seis iniciados que na realidade e por falta de compromisso dos mesmos apenas ficou um. Os atletas tem que perceber que a AMSAC é um clube histórico no Futsal e que acima de tudo há que ter compromisso com a nossa casa.

AMSAC: Um dos nossos grandes objetivos na formação passa por levar os nossos atletas até aos seniores. Há uns anos para cá que essa não tem sido uma realidade, pelo menos aqueles que chegam e entram de caras. Será então possível um jogador formado na nossa casa chegar ao patamar mais alto do nosso Futsal?

Pedro Carvalho: Claro que sim! Quanto se trabalha num clube com tanta qualidade não se pode pensar de outra maneira. Certamente que o Mister Pedro(Seniores) anda a tento a tudo isso, e, recordo me que na época passada já muitos juniores estiveram a trabalhar com os seniores. Não quero individualizar mas temos na nossa formação material para ser aproveitado e que certamente chegarão com qualidade ao plantel senior.

AMSAC: Para quem não conhece o seu trajeto, e apenas o viu a chegar ver e vencer na nossa Associação, como começou o Mister Pedro Carvalho?

Tudo começou numa brincadeira nos Escorpiões onde eu era atleta da equipa senior e um grande amigo meu, Pedro Santana, convidou me então para seu adjunto e onde logo subimos de divisão com os juniores. Na época seguinte ele passou para Diretor Desportivo e convidou me para assumir os iniciados e com sorte a minha fomos campeões com apenas uma derrota. De seguida Juvenis onde também fomos campeões e ai comecei a pensar que se calhar até tinha jeito par isto (risos). Nunca mais parei e assim começou a minha vida como Treinador, passando também dois anos no GROB onde também adorei trabalhar. Por último surgiu o Fonsecas e Calçada(que por umas horas me “roubou” na altura da AMSAC), onde subimos de divisão e agora, desde Maio 2016 na nossa Associação.

AMSAC: Conhecendo então a sua história chegamos à AMSAC, como surgiu o convite? Foi fácil convence-lo a mudar?

Pedro Carvalho: É uma história engraçada (risos). No ano em que assumi os juniores do Fonsecas, à tarde liga-me o Presidente do Fonsecas e pediu-me uma reunião que era para assumir o plantel dos juniores ao qual aceitei normalmente. À saída dessa mesma reunião recebo uma chamada do Manuel Ferro a indicar me que tinha um projeto para mim. Na altura foi tarde e não pude aceitar. Em Dezembro voltámos a falar e na altura não pude aceitar novamente mas em Maio veio o convite final e quando me ligou lembro me bem que me disse “Mister desta vez venho muito cedo para não me dizer que já é tarde e tem outro projeto.. para a próxima época quero o na AMSAC”. Foi um namoro antigo que felizmente se realizou e sinto-me muito feliz por aqui estar. Não sei se sabe mas durante dois anos estagiei com o Mister Pedro Cascarrinho e o Manuel Ferro constantemente me dizia que eu iria para a AMSAC. Quando vim sabia que a divisão de honra iria ser puxada e tive medo de errar mas sinceramente acho que me preparei muito bem antes de aceitar este grande projeto.

AMSAC: No Futsal sabemos o quão competitivo é o mundo dos treinadores onde nem sempre é fácil gerir os egos etc etc.. Este ano na AMSAC parece existir uma relação de respeito e harmonia mesmo entre equipas técnicas. Como é a sua relação com os outros treinadores, principalmente dos escalões perto do seu?

Pedro Carvalho: No ano passado a relação não foi muito fácil com todos os treinadores. Eu sou do tipo de pessoas que me dou bem com todos e respeito o trabalho dos Misters onde trabalho. Dou-me super bem com a equipa técnica dos Juniores, dos seniores como é sabido tenho uma grande amizade com o Mister Pedro e relativamente aos Iniciados este ano estarei disponível para ajudar o Mister Prata no que for preciso. Respeito todos os treinadores da nossa Associação!

AMSAC: Para terminar a pergunta da praxe, que bons momentos destaca na nossa Associação?

Pedro Carvalho: Do ano que passou destaco sem dúvida quando passámos à segunda fase e depois, vindos do fim da classificação ganhámos vários jogos seguidos e chegámos a estar inclusivamente no topo. Depois quando concluímos e tivemos a certeza que passaríamos às meias-finais. Esses foram sem dúvida grandes momentos.

Por fim em meu nome e em nome de toda a equipa técnica dos juvenis queria agradecer a entrevista e dizer que podem contar connosco para uma grande época. Desejamos a todos os escalões da AMSAC uma excelente temporada!

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *